Sérgio Baduy confessa crime brutal ao ser preso em Santa Catarina. “Cometi consciente”

11

Foi preso em Biguaçu, região metropolitana de Florianópolis, em Santa Catarina, o homem suspeito de matar de forma brutal os ex-sogros no Bairro Alto, em Curitiba, na manhã da última quinta-feira. Sérgio Luiz Baduy, de 55 anos, foi capturado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e confessou a autoria do crime em um áudio.

“Já tenho 55 anos e vou pegar uma pena pesada pelo meu ato, fui consciente em tudo que eu fiz. E eu fiquei muito revoltado e por isso que eu cometi isso. Cometi consciente, sabendo o que eu estava fazendo”, afirmou o homem que fugiu para Santa Catarina logo após o duplo homicídio. A prisão ocorreu a quase 300 quilômetros de Curitiba e o homem deve ser encaminhado ainda hoje para Curitiba.

“Um casal que morava em casa, sozinhos, um local que para ele entrar chegou a montar uma estrutura com uma corda com nós mostrando que houve preparação e que ele tinha intenção, foi algo planejado. Ele alega questões pessoais, desentendimentos com o sogro e a sogra, brigas com a ex-esposa, ou seja, trás fatos que fazem parte da vida em sociedade, as pessoas discutem, brigam e quando não se acertam buscam o divórcio a separação e buscam seu caminho. Mas ele, de uma forma muito estranha, fugindo à regra, buscou a subtração da vida”, disse o delegado Tito Barrichelo, que investiga o caso.

Os corpos das duas vitimas serão enterrados nesta sexta-feira no Cemitério Vertical de Curitiba.

Emílio Mandato, de 56 anos, e Célia Correia, de 53 anos, foram assassinados a facadas na cama. Eles eram pais da ex-esposa de Sérgio Baduy, que não aceitava o fim do relacionamento. No dia do crime, Sérgio chegou a mandar um áudio avisando sobre o crime passional.

“Liga para a Fernanda e avisa para ela ir com a polícia na casa dos pais dela. Só isso que tenho para dizer”, disse o homem sobre o crime. Ao receber essa informação, a filha se encaminhou para o local e chamou pelos pais. Ao não ter notícias, pediu aos vizinhos que a ajudassem a entrar na casa. Ela não teve coragem de entrar na casa já imaginando o pior. A ex-exposa tinha medida protetiva contra Sérgio Baduy.

Clique aqui e assine

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA