Outro ato de violência marcou o futebol brasileiro neste sábado (26). Enquanto o ônibus do Grêmio era apedrejado antes do clássico com o Internacional, jogadores do Paraná Clube trocaram socos com torcedores após partida do Campeonato Paranaense.

A confusão aconteceu após a derrota do time tricolor para o União, por 3 a 1. O resultado confirmou mais um rebaixamento do Paraná, agora para a segunda divisão do Estadual, e transformou o gramado da Vila Capanema em campo de batalha.

Aos 40 minutos do segundo tempo, com a situação praticamente definida, alguns torcedores invadiram o gramado e partiram para cima de jogadores do Paraná, que se defenderam. Houve troca de socos entre eles, em cenas lamentáveis.

A Polícia Militar entrou em cena e atirou balas de borracha contra os torcedores, para evitar algo ainda mais grave. A partida teve que ser interrompida pela arbitragem e, depois, finalizada, já que não havia mais clima para que as equipes voltassem a campo.

Este foi o terceiro rebaixamento do Paraná no espaço de um pouco mais de um ano. Em janeiro de 2021, o clube caiu da Série B para a C do Campeonato Brasileiro, para depois, em setembro, ser rebaixado para a Série D. Agora, voltará a disputar a segunda divisão do Paranaense.

Clique aqui e assine

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA