Uso de máscaras ao ar livre será liberado, garante Ratinho Junior

26

O governador Ratinho Junior (PSD) falou nesta quarta-feira (16) sobre a liberação do uso das máscaras no Paraná. Durante um evento para a assinatura de um convênio com a Prefeitura de Colombo para a construção do Hospital Geral, o governador afirmou que acredita que o projeto de desobrigação do uso de máscaras ao ar livre deve ser aprovado pela Assembleia Legislativa (Alep).

Segundo Ratinho Junior, a Secretaria de Estado Saúde (Sesa) está avaliando os cenários e deve regulamentar a liberação do equipamento de proteção em decreto, que deve ser divulgado ainda nesta quarta. Lugares como estádios, academias, ônibus e espaços de eventos podem ter regras específicas. Em relação às escolas, o governador afirmou que é a favor de que crianças não usem máscaras, por serem menos atingidas pela covid-19: “É uma demanda hoje muito grande a questão psicológica das crianças, então estamos trabalhando isso. Mas a questão do não uso de máscara em área aberta vai acontecer”.

O secretário de Saúde, Beto Preto, afirmou que a equipe técnica da Sesa já está trabalhando nas regras para o novo decreto caso o projeto da Alep seja aprovado. Sobre as escolas, a secretaria avalia a possibilidade de as máscaras serem liberadas para crianças menores de seis ou 12 anos.

Beto Preto ainda disse que, a partir do momento que o uso de máscaras ao ar livre deixar de ser obrigatório, a Sesa deve reavaliar os números da covid-19 dentro de dez dias e o estado pode ter mais flexibilizações: “Se os números continuarem baixando, é possível que nós possamos avançar para flexibilizar também em ambientes fechados”.

Desde o início da pandemia, o Paraná soma 2.375.716 casos confirmados e 42.491 mortos pela covid-19. No último boletim, divulgado na terça-feira (15), a Sesa registrou mais 29 óbitos em março desse ano. “Ainda estamos perdendo a vida de paranaenses, por isso é importante continuar os cuidados e com foco muito grande na vacinação”, afirmou o secretário Beto Preto.

Clique aqui e assine

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA