Encceja 2022 já tem data da prova; edital sai em maio.

15

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, mais conhecido por Encceja, é um programa criado pelo Governo Federal juntamente com o Ministério da Educação (MEC) com o objetivo de garantir o diploma de conclusão dos estudos aos cidadãos brasileiros que não finalizaram essa etapa de ensino.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) é o grande responsável por todo o processo deste exame.

De forma simples e clara, o Encceja é uma prova que garante a certificação do Ensino Fundamental e Médio aos cidadãos brasileiros que não concluíram os estudos na idade adequada.

Então, se você se encaixa nessa situação e deseja ter em mãos seu certificado de conclusão de estudos para ingressar no mercado de trabalho, saiba que o Encceja 2022 é uma ótima oportunidade!

Data da prova do ENCCEJA 2022
O ENCCEJA 2022 já tem data prevista para realização. Por meio do Diário Oficial da União de 21 de janeiro, o governo federal divulgou as datas previstas para aplicação das provas do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos. Aguardado todos os anos por muitas pessoas, os aprovados no exame conseguem a certificação do ensino fundamental ou médio apenas por meio da prova.

Veja o calendário previsto para aplicação das provas:

Encceja regular: 28 de agosto de 2022;
Encceja Exterior: 18 de setembro de 2022;
Encceja Exterior PPL (para pessoas privadas de liberdade): 19 e 30 de setembro de 2022;
Encceja PPL (pessoas privadas de liberdade): previstas para os dias 11 e 12 de outubro de 2022.

Inscrição no ENCCEJA

As inscrições ainda não tem data definida, mas provavelmente abrirão em abril. O edital completo do ENCCEJA sempre sai em março de cada ano e trará todas as normas da nova edição.

As inscrições no exame deverão ser feitas pelo site do INEP – enccejanacional.inep.gov.br/encceja. Será necessário ter uma conta Gov.Br para fazer a inscrição e acessar os resultados das provas.

As provas do exame ocorrem em todo o território nacional. Para ensino fundamental serão aplicadas quatro provas objetivas com questões de Ciências Naturais, Matemática, Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, História e Geografia, mais redação.

Já para nível médio, serão quatro provas com questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias, Linguagens e Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, além da redação.

O participante será considerado habilitado se atingir o mínimo de 100 pontos em cada uma das áreas de conhecimento baseada na Teoria de Resposta ao Item (TRI), mesmo método utilizado no ENEM. O nível 100 dessa escala significa que o participante desenvolveu as habilidades mínimas necessárias para obter a certificação.

No caso de Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes e Educação Física, no ensino fundamental, e de Linguagens e Códigos e suas Tecnologias, no ensino médio, o participante deverá adicionalmente obter proficiência na prova de redação para obter a certificação. A proficiência na redação será obtida com nota superior a cinco pontos.

Os resultados dos exames serão divulgados publicamente e a emissão dos documentos necessários para as certificações será de responsabilidade das secretarias estaduais de educação e dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia.

O que é o ENCCEJA
O Encceja é uma avaliação para aferição de competências, habilidades e saberes de jovens e adultos residentes no Brasil, em nível de conclusão do ensino fundamental ou ensino médio.

Os objetivos do exame incluem construir uma referência nacional de autoavaliação para jovens e adultos por meio de avaliação de competências, habilidades e saberes adquiridos em processo escolar ou extraescolar; estruturar uma avaliação direcionada a jovens e adultos que sirva às secretarias de educação, para que estabeleçam o processo de certificação dos participantes em nível de conclusão do ensino fundamental ou ensino médio.

Ainda, ele oferece resultados que possam ser utilizados na melhoria da qualidade na oferta da educação de jovens e adultos e no processo de certificação; bem como possibilitar a constituição de parâmetros para autoavaliação do participante, com vistas à continuidade de sua formação e à sua inserção no mundo do trabalho; e possibilitar o desenvolvimento de estudos e indicadores sobre a educação brasileira.

Clique aqui e assine

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA