Motoristas de carros de aplicativo fazem paralisação nesta segunda-feira

224
Clique aqui e assine

Os brasileiros que utilizam carros por aplicativo devem ficar atentos. De acordo com o comunicado da Associação de Motoristas de Aplicativos a categoria está fazendo uma paralisação desde às 07h da manhã desta segunda-feira (15) e deve durar 24 horas. A ação tem como objetivo a busca por melhores tarifas e condições de trabalho mais justas.

Segundo a categoria, “ as principais demandas incluem o aumento da tarifa mínima, a diminuição da comissão cobrada pelas plataformas – que chega a 60% do valor em algumas corridas. A disponibilização de seguro de vida e saúde e a melhoria da proteção contra os assaltos e violência nas áreas urbanas”.

Outras reivindicações como a cobrança de um adicional por cada parada solicitada durante a corrida. As empresas como a Uber e 99, estão sendo cobradas por mais transparência nas políticas, para que os entregadores e motoristas recebam uma remuneração mais justa para a classe.

“As empresas de aplicativos estão lucrando enormemente com o seu trabalho, mas muitas vezes não oferecem remunerações justas ou proteção adequada. Podemos alcançar nossos objetivos e tornar o trabalho dos motoristas de aplicativos mais justo e seguro para todos”, disse o vice-presidente da Amasp, Paulo Reis em São Paulo.

A greve consistirá em apenas desligar o celular e não exercer a atividade. Em algumas áreas do país, no entanto, é possível que alguns motoristas realizem protestos contra as empresas.

Paralisação em Curitiba e Região
A concentração inicial aconteceu no Parque São José, em São José dos Pinhais às 07h, e a concentração final será realizada no Parque Barigui, na Capital paranaense.

Clique aqui e assine

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA